O potencial da telemedicina para lidar com a COVID-19

Notícias O potencial da telemedicina para lidar com a COVID-19
Data:

23/04/2020

Os casos crescentes de coronavírus (COVID-19) permitiram que a telemedicina fosse usada para reduzir a sobrecarga dos centros de saúde em todo o mundo e também para reduzir o número de infecções da doença.

Para falar sobre o assunto, o diretor de Tecnologia da Informação da APM – Associação Paulista de Medicina e presidente do Comitê Organizador do Global Summit Telemedicine & Digital Health, Dr. Antonio Carlos Endrigo, foi o convidado da edição de 06/04 do JC1, telejornal da TV Cultura.

Com ampla cobertura sobre a telemedicina, o jornal deu destaque às iniciativas que têm ajudado médicos e pacientes a se conectarem usando ferramentas digitais na assistência à saúde.

Segundo Dr. Endrigo, a Brasil estaria melhor preparado para lidar com os casos de COVID-19 se a telemedicina tivesse sido regulamentada no país.

“A telemedicina é muito útil na orientação, monitoramento, triagem e, alguns casos muito específicos, para diagnósticos. Nesse momento que estamos vivendo, ela permite manter o paciente em sua residência, dar a orientação necessária e encaminhá-lo a procurar um centro de saúde quando necessário”, completa.

Entrevistado pelos âncoras Aldo Quiroga e Joyce Ribeiro, o médico enfatizou também a necessidade de capacitação dos médicos para atuarem no ambiente adequado de assistência remota e que garanta a privacidade e o sigilo das informações tanto para os profissionais, quanto para os pacientes.

Newsletter

Inscreva-se e acompanhe as novidades sobre o Global Summit Telemedicine & Digital Health 2020.