A inovação a serviço da melhoria do acesso à saúde

Artigo A inovação a serviço da melhoria do acesso à saúde
Data:

27/05/2020

No momento em que hospitais e centros de saúde lutam para lidar com a alta demanda de atendimento de casos de COVID-19, a telemedicina surge como uma solução estratégica, segura e eficaz para não apenas reduzir filas de espera, mas também preservar equipes de saúde.

Além disso, a telemedicina é um grande diferencial aos pacientes, que encontram nessas plataformas ferramentas para tornar sua experiência mais completa e amigável. Para os médicos, essas iniciativas integram fluxos de trabalho, dados e outras informações que ajudam a interpretar e analisar prontuários de cada paciente.

Segundo Pablo Utrera, CEO da DOC24, é preciso que haja uma equipe de desenvolvimento de software muito sólida para permitir que as ferramentas de telemedicina evoluam constantemente para adaptar soluções digitais a diversas necessidades. A DOC24 possui mais de 4 anos de experiência em telemedicina em toda a América Latina.

A empresa possui como estratégia a formação de parcerias com organizações do setor de saúde que desejam desenvolver programas de telemedicina. Para isso, a DOC24 integra os sistemas eletrônicos de prontuários médicos dessas empresas.

“Oferecemos aos nossos clientes a plataforma mais completa, cobrindo todos os cenários de interação entre médicos e pacientes, como demanda espontânea, consultas agendadas, mensagens de texto, bem como entre profissionais. Tudo isso em soluções com acesso multiplataforma (web + Android + iOS)”, declara.

A DOC24 possui uma estrutura com equipe médica própria, o que permite oferecer serviços de teleconsultas 24 horas por dia nas especialidades de Clínica Médica e Pediatria. Assim, o usuário tem a possibilidade de escolher qual parte dos serviços eles precisam, seja para usar apenas o software, seja para contratar os serviços médicos oferecidos pela plataforma.

A empresa também resolveu colaborar para os esforços de contenção à COVID-19. Foi criada uma dinâmica de Teletriagem, que permite classificar os casos de pacientes com sintomas compatíveis com o novo coronavírus, detectar casos suspeitos e até enviar a equipe do laboratório bioquímico para colher amostras em casa para realizar testes de diagnóstico.

“O paciente que precisa ser avaliado pode começar interagindo com um chatbot ou conversando com o centro de atendimento e recebe um link por mensagem de texto ou e-mail convidando-o a acessar a teletriagem. O interessante desse fluxo de trabalho é que somos capazes de proteger o paciente, mas também o pessoal da saúde e a comunidade em geral da exposição ao vírus”, explica o CEO da DOC24.

A agilidade da empresa é fundamental no momento em que o tempo é crucial para a detecção e tratamento de pacientes. Em apenas 5 dias úteis, toda a estrutura necessária para que o uso da telemedicina é estabelecida.

“Ferramentas como a da DOC24 garantem a continuidade do acesso aos serviços de saúde e fazem a diferença em relação às soluções nesse atual contexto. Uma plataforma de telemedicina é muito mais que uma solução de vídeo, deve contemplar a segurança dos dados do paciente, a experiência do uso de médicos e pacientes e as integrações necessárias ao fluxo de trabalho regular destes profissionais e instituições de saúde”, enfatiza Pablo Utrera.

A DOC24 é parceira do Global Summit Telemedicine & Digital Health, o maior evento de telemedicina e saúde digital da América Latina. Conheça mais sobre a DOC24 e suas iniciativas aqui.

Newsletter

Inscreva-se e acompanhe as novidades sobre o Global Summit Telemedicine & Digital Health 2020.